David Cho

Fundador do atual movimento de igreja em células, disse a respeito das células: “A igreja local é a força do cristianismo. As células, ou grupos nas casas, contribuem para essa força. Qualquer coisa que venha a diluir a força da igreja local deve ser evitada”. Mas, por que devemos pertencer a uma igreja local? Por que não simplesmente vagar de congregação em congregação, pertencendo de maneira mais ampla ao corpo de Cristo? Por que nós até mesmo mencionamos a necessidade de ter um compromisso com uma igreja local?

Pensei muito a respeito ultimamente em meu esforço para explicar a uma família que participa de minha célula a razão da importância de se unir a uma igreja local. Na minha primeira conversa com o marido, eu me atrapalhei todo. Eu não queria parecer legalista ou preponderante, mas acabei transmitindo-lhe sinais vagos e confusos. No entanto, na manhã seguinte, o Senhor falou claramente comigo e me fez lembrar de uma das principais razões pela qual todo crente deve estar comprometido com uma igreja local.

A Bíblia diz em Hebreus 13.17: “Obedeçam aos seus líderes e sigam as suas ordens, pois eles cuidam sempre das necessidades espirituais de vocês porque sabem que vão prestar contas disso a Deus. Se vocês obedecerem, eles farão o trabalho com alegria; mas, se vocês não obedecerem, eles trabalharão com tristeza, e isso não ajudará vocês em nada”. Deus me lembrou que ele incumbiu à igreja local “cuidar das necessidades espirituais” dos crentes. A igreja local é o meio de Deus de cuidar dos crentes.

Igreja Local

Quando uma pessoa se junta à igreja local, ela está se colocando debaixo da liderança ordenada por Deus. Essa pessoa está dizendo: “Eu receberei direção espiritual da liderança da igreja local, e também contribuirei com a igreja local (por exemplo, dizimando, usando meus dons etc.)”.

Eu moro na Califórnia. Há um grande número de imigrantes ilegais nessa parte do mundo. Uma pessoa em situação ilegal não pode receber todos os benefícios governamentais, nem pode realmente dar sua contribuição para o país. As pessoas que pulam de igreja em igreja são muito parecidas com os imigrantes ilegais. Elas não podem contribuir para suprir as necessidades da igreja local, nem podem receber todos os benefícios de cuidado pastoral e disciplina. Elas vivem em constante perambulação.

Na semana seguinte, depois da reunião da célula, eu disse àquele marido que ele e sua família deveriam se juntar a uma igreja local e submeter-se a sua liderança pastoral. Disse-lhe que se ele tomasse a decisão de se unir à nossa igreja local, não estaria tomando uma decisão vitalícia. Ele sempre teria a opção de deixá-la. Mas se e quando ele viesse a deixá-la, eu então novamente o encorajaria a procurar se juntar a uma igreja local.


0 comentários

pt_BRPortuguese
en_USEnglish pt_BRPortuguese
%d blogueiros gostam disto: